Blog

17 maio 2016

10 vantagens e desvantagens da Internet na Educação

A Internet, suas controvérsias e a Educação

 

Internet surgiu no final da década de 1960, com o nome de Arpert nos Estados Unidos, seu objetivo era criar um canal de comunicação específico para interligar laboratórios de pesquisa e bases militares do país. Somente início dos anos 80 que a antiga Arpert tornou-se algo acadêmica e, após alguns anos, na década de 1990, inicia-se dentro da Internet o sistema World Wide Web – o famoso WWW que conhecemos.

 

A chegada da Internet originou uma grande mudança no dia-a-dia das pessoas, na forma como se comunicam entre si, como buscam e recebem informação, como pesquisam e compram bens e serviços, como estudam, se relacionam, entre muitas outras ações do cotidiano.

 

Internet surgiu no final da década de 1960, com o nome de Arpert nos Estados Unidos, seu objetivo era criar um canal de comunicação específico para interligar laboratórios de pesquisa e bases militares do país.

 

 

Somente início dos anos 80 que a antiga Arpert tornou-se algo acadêmica e, após alguns anos, na década de 1990, inicia-se dentro da Internet o sistema World Wide Web – o famoso WWW que conhecemos.

 

A chegada da Internet originou uma grande mudança no dia-a-dia das pessoas, na forma como se comunicam entre si, como buscam e recebem informação, como pesquisam e compram bens e serviços, como estudam, se relacionam, entre muitas outras ações do cotidiano. Mas ela, apesar de estar vinculada com a Globalização, não pode ser utilizada como um sinônimo para este fenômeno, pois cada um deles se refere a um tipo de mudança.

 

ASSIMILE:

 

 

 

Como usar a Internet na Educação?

 

Entre essas mudanças na vida das pessoas de modo geral, podemos ver que ocorre uma transformação na Educação em relação a esta tecnologia. É um fato que a Internet está sendo utilizada dentro das salas de aula tanto por alunos quanto por professores, e graças a esta ação a forma como o aprendizado acontece é transformado implicando diretamente na qualidade de ensino.

 

Quando bem explorada pela equipe pedagógica, a Internet se torna uma ferramenta que potencializa o ensino em vez de ser uma distração para os educandos. Bibliotecas virtuais, sites de busca e conteúdo específico podem ser utilizados como recursos para promoção de aulas dinâmicas e aprendizado interativo.

 

A Internet na Educação serve como um instrumento de apoio que deve ser bem pensado quando for aplicado com os alunos, porque ele pode se tornar uma fonte de entretenimento e distração em vez de favorecer o conhecimento.

 

VOCÊ VAI PRESTAR O VESTIBULAR E O ENEM, MAS AINDA TEM DÚVIDAS DE PORTUGUÊS?

CLIQUE AQUI e veja AGORA MESMO um e-book que irá te deixar craque no Português!

 

Fazer alunos interagirem com essa tecnologia para melhorar a Educação, sendo a Internet promovida como um meio de pesquisa e propagação de informações e conhecimentos específicos para cada matéria ou atividade.

 

No panorama geral a Internet provoca diferentes tipos de discussões, principalmente quando está relacionada a Educação, por isso, muitas vezes, é preciso analisar os prós e os contras para utilizá-la, além de refletir sobre a dimensão, a nossa capacidade de abstração e percepção.

 

Essas três considerações estão visíveis quando olhamos para os alunos e as possíveis aulas que podem ser planejadas em cima destas características, na qual os professores precisaram criar meios de usar a Internet como uma ferramenta de apoio acadêmico.

 

A seguir você encontrará uma lista de 10 vantagens e 10 desvantagens da Internet para a Educação

 

AS VANTAGENS

 

1 – Comunicação

 

O alvo principal da Internet sempre foi a comunicação, o que tornou tudo muito mais próximo, acessível e prático. Agora podemos nos comunicar em uma fração de segundos com pessoas que estejam em qualquer parte do mundo, estabelecer relações sociais de amizade virtual, compartilhar os nossos pensamentos, explorar outras culturas, e muito mais!

 

Na Educação, esse meio de comunicação pode ser utilizado na hora de uma conversa informal fora do horário de sala de aula entre professores e alunos, na qual dúvidas podem ser tiradas ou ideias para alguma atividade podem ser trocadas através de mensagens.

 

2 Informação

 

A informação é, provavelmente, a maior vantagem que ela oferece, pois qualquer tipo de informação sobre qualquer assunto está disponível na Internet. Existem ainda auxiliares de procura, os motores de busca que nos fornecem um grande conteúdo de sites, relacionadas com a palavra chave que pretendemos buscar.

 

Além disso, destacamos a informação sistematizada e ofertada por meio dos cursos à distância, sejam eles de graduação, pós-graduaçãopalestras, treinamentos, videoconferências, e tantas outras formas de acessar a informação e adquirir ou aprimorar conhecimento.

 

A Educação 100% online é uma premissa do século XXI, onde estudantes jovens e adultos podem se inscrever em cursos e realizá-los em sua própria casa, da mesma forma que a informação chega através de videoaulas, ela pode ser encaixada no modelo escolar.

 

A equipe pedagógica poderá estruturar um plano de aula e encaixar alguns dos horários em laboratórios de informática para que os alunos tenham contato com computadores e os utilizem na busca por informações de uma determinada atividade, por exemplo, mas sempre com o professor “orientando sobre as formas corretas de pesquisar, selecionar e analisar as informações” (SOUSA, 2013).

 

3 Conveniência

 

É rápido, fácil e está ali a poucos cliques. Posso em poucos minutos, de qualquer lugar, em qualquer horário,  fazer diversas coisas que, antes da internet, demandariam muito tempo e esforço, como por exemplo: ir ao banco, comprar algo, pagar uma conta, emitir um documento, conversar, pesquisar por assuntos específicos, entre outros.

 

A conveniência dos alunos para a busca de informações específicas de um jeito mais fácil e rápido para atender as suas necessidades é uma vantagem poderosa nas mãos dos pedagogos que dispõe de atividades que irão solicitar a pesquisa em diferentes momentos dos educandos.

 

Seja jovem ou adulto, é mais conveniente fazer suas buscas pela Internet porque a demanda de tempo e esforço é menor.  A praticidade está estritamente relacionada a conveniência.

 

4 – Inclusão

 

Acesso ao conhecimento, conveniência na obtenção de serviços, pesquisas, entre outras, não importando a cor da pele, a raça, o gênero, a idade, a profissão, a religião, cultura, o lado político. Pela natureza gratuita e universal da maioria dos conteúdos, a Internet proporciona uma inclusão social e digital sem precedentes. Esta inclusão também coloca pessoas diferentes em contato com outras e, de uma forma muito intuitiva, todos acabam ganhando com isso, pois aprendem coisas novas o tempo todo.

 

Como, por exemplo, realizar uma atividade sobre um determinado país e entrar em contato com estudantes ou moradores dele, torna o processo de aprendizado mais interessante e inclusivo por se tratar de uma interação com pessoas de realidades diferentes.

 

5 Aproximação

 

Podemos navegar livremente e escolher ir do Grand Canyon a Torre Eiffel, dar uma passadinha no Coliseu, conhecer Dubai, antes de visitar Tókio. Pesquisar uma informação na Agência de Inteligência Americana, dar uma olhadinha nas ruas de Nova York e São Paulo, ver os vídeos produzidos na Antártica, entre outros.

 

Nunca tivemos esta liberdade e facilidade de locomoção pelo globo, embora ele seja virtual.

 

E este é um ótimo recurso para a Educação, onde os professores podem apresentar outras culturas e lugares através da Internet, enriquecendo a aula ao fazê-los se aproximarem de algo que antes era impossível de se conhecer.

 

VOCÊ JOGA LEAGUE OF LEGENDS,

MAS NÃO SABE COMO SE DESTACAR?

CLIQUE AQUI e veja AGORA MESMO um e-book com DICAS PARA VOCÊ GANHAR

e sair definitivamente do BRONZE!

 

6 Oportunidades

 

Antigamente as grandes corporações, governos e os sistemas controlavam (totalmente) a comunicação, os negócios e boa parte da cultura de um país. A Internet facilita a criação e disponibilização de conteúdos, deu voz e vez às pessoas que com uma conta em uma (ou várias) rede(s) social(is), um blog ou um canal de vídeos, muitas pessoas (antes) desconhecidas estão fazendo valer suas ideias, realizando negócios, promovendo eventos, cultura, encontros, conhecimento e gerando renda. Ganhar dinheiro com a internet é uma das grandes oportunidades que pessoas comuns tem, e assim como nós, você também pode aproveitar esta oportunidade!

 

As oportunidades encontradas no meio educacional são diversas e alinhá-las à prática pedagógica se faz mais do que o necessário, na qual professores precisaram tornar suas aulas mais dinâmicas através do uso do audiovisual e fazer seus alunos compartilharem seus conhecidos acerca de um tema a partir do material disponibilizado na Internet.

 

Seja um podcast, um vídeo, um artigo de blog, um debate em fóruns online, uma conversa nas redes sociais, entre outras formas.

 

7 Entretenimento

 

Entretenimento é outra razão muito popular pela qual muitas pessoas navegam na Internet. Você pode fazer download de jogos, músicas, filmes, vídeos, livros, chats ou simplesmente navegar, pois quando as pessoas navegam, existem inúmeras coisas que podem ser encontradas, como por exemplo: passatempos, curiosidades, notícias, entre tantas outras que podem ser compartilhadas.

 

A Educação pode se apropriar desta característica e levar para as salas ou disponibilizar nos ambientes virtuais de aprendizagem fontes de entretenimento que se relacionam com o conteúdo estudado.

 

Seja ele um filme, uma série, um jogo ou até alguma rede social que poderá fornecer informações valiosas para o aprendizado do educando.

 

8 Serviços

 

Muitos serviços importantes são prestados na Internet como: serviços bancários online, oferta e procura de emprego, compra de ingressos para os seus filmes, shows e esportes favoritos, vendas de cursos, reservas de hotel e passagens rodoviárias e aéreas, compras de varejo em geral, entre muitos outros. Muitas vezes, estes serviços não estão disponíveis offline ou ficam mais caros se não forem comprados online.

 

No caso da Educação, aqui se encaixaria os cursos/capacitações que são difíceis de serem encontrados off-line. Assuntos muito específicos podem ser localizados com facilidade nos sites de busca com uma variedade de preços, com metodologias diferentes para melhor atender os interessados.

 

9 Notícias

 

A Internet rompeu com as fronteiras do mundo jornalístico de forma surpreendente. Quem imaginaria, há 30 anos atrás, assistir, em tempo real, algo como o ocorrido em 11 de setembro nas Torres Gêmeas nos EUA? Ou ainda, os atentados terroristas em tantas partes do mundo e a Catástrofe de Mariana/MG? Nunca foi tão fácil e rápido acessar notícias de todo mundo e saber de tudo que acontece, no momento em que acontece.

 

Encontrar informações e trazer para sala de aula não é difícil, pois com o advento da Internet os professores podem relacionar os acontecidos de ontem, por exemplo, com a aula que dará hoje.

 

O fluxo de notícias é maior e mais rápido, tanto professor quanto aluno podem associar e debater o conteúdo da ementa parafraseando os últimos acontecimentos.

 

10 E-Commerce

 

Comércio eletrônico ou e-commerce, ou ainda comércio virtual, é um tipo de transação comercial feita especialmente através de um equipamento eletrônico, como, por exemplo, um computador ou smartphone, por intermédio de meios de pagamento on-line (EX: Pague-Seguro).

 

No início, a comercialização online era e ainda é, realizada com produtos como CDs, livros e demais produtos palpáveis e de características tangíveis. Contudo, com o avanço da tecnologia, surge uma nova tendência como a venda de serviços pela web, como é o caso dos cursos de graduação, pós-graduaçãopalestrascoachs, por exemplo.

 

NÃO ESQUEÇA: A INTERNET ESTÁ DIRETAMENTE RELACIONADA À TEORIA DA CAUDA LONGA

 

Se você nunca ouviu falar sobre esta teoria, clique AQUI e entenda como ela influencia na sua vida e decisões.

 

A compra de cursos está cada vez mais alta e esse comportamento das pessoas para os canais educacionais é uma oportunidade oferecida pela Internet.

 

Aprender a distância é uma alternativa para àqueles que não têm tanto tempo sobrando, da mesma forma que a compra de eBooks de Educação se tornou uma opção para essas mesmas pessoas que não têm tempo de ler um livro físico, pois os livros virtuais possibilitam lê-los em qualquer lugar desde que tenha um dispositivo móvel.

 

AS DESVANTAGENS

 

1 – Qualidade de Ensino

 

A Internet na Educação serve para facilitar e melhorar o processo de ensino. No entanto, quando a equipe pedagógica não procura se capacitar e entender como utilizar essa tecnologia dentro da sala de aula, a qualidade de ensino pode cair e não ser aproveitado nada.

 

Outro ponto a se considerar, são os cursos online, onde muitos deles não oferecem conteúdos e suportes, no caso de dúvidas, bons o suficiente e cobram caro.  

 

– Superficialidade

 

Muitas vezes identificamos na Internetabordagens muito superficiais ou descontextualizadas dos assuntos apresentados. Isso torna-se um lado ruim pois muitas pessoas, por comodidade, não buscam profundidade e acabam tomando informações sem fundamentação como verdade absoluta.

 

Alunos, quando precisam entregar uma pesquisa, não procuram pelas fontes e entregam cópias de trabalhos mal feitos para professores.

 

Por isso é importante uma orientação para que eles façam uma curadoria de conteúdo e não acreditem em tudo que está no primeiro site que clicam, pois a superficialidade e plágio na Internet são grandes.

 

– Distração

 

Se considerarmos que a Internet é uma forma de entretenimento ao mesmo tempo em que é uma ferramenta de trabalho ou de estudo, logo percebemos que nela é muito mais fácil perder o foco do trabalho ou dos estudos com as inúmeras atrações que estão a um clique de distância.

 

Manter o foco enquanto se usa a internet tem sido um dos grandes desafios para muitas pessoas e, infelizmente, uma parcela considerável não consegue se concentrar naquilo que deveria.

 

Se distrair em meio a pesquisas nas escolas é uma constante entre os alunos, principalmente se o professor deixar a temática livre quando estão no laboratório de informática.

 

Por isso bloquear sites (por meio de softwares especializados) e redes sociais poderá ajudar no controle das distrações em horário de aula.

 

4 – Falta de Interação

 

Principalmente em cursos a distância a interação é escassa por se tratar de aulas não presenciais, sem auxílio de um professor à sua frente ou troca de informações com colegas de classe, já que esse processo de ensino online é algo que se faz sozinho.

 

Tirar dúvidas no momento exato da aula não acontece e e-mails podem ser enviados, mas a resposta não será tão dinâmica.

 

A falta de interação não acontece apenas nas escolas, é muito comum encontrar pessoas das mais diversas idades se relacionando com um aparelho móvel em vez de estar em contato com pessoas físicas.

 

Não se relacionar com o mundo off-line e se distanciando das coisas palpáveis é uma das grandes desvantagens da Internet que distrai os olhos, a mente e a atenção das pessoas de modo geral.

 

5 – Fraude

 

Seja em entregas de trabalho ou até em provas, a Internet pode ser uma fonte de respostas a (quase) todas as perguntas, algo que priva o aluno de estudar e se inteirar do trabalho, pois ele estará pronto quando pesquisar em algum site de busca.

 

A fraude também acontece nas mais variadas vertentes da rede, como no roubo de informações pessoais tais como: nome, endereço, número de cartão de crédito, etc.

 

Ou através do anonimato, onde muitas pessoas ficam expostas e acabam sendo vítimas de golpes, entre outros crimes por não conhecerem a identidade do agressor pela Internet possibilitar o estado anônimo.

 

MATEMÁTICA É UM PROBLEMA PARA VOCÊ?

JÁ ESTÁ PENSANDO QUE NÃO IRÁ BEM NO ENEM?

CLIQUE AQUI e veja AGORA MESMO uma série de VÍDEO AULAS que irão te ajudar nesta matéria!

 

6 – Vírus

 

Um vírus é um programa malicioso desenvolvido por programadores que, tal como um vírus biológico, infecta o sistema, faz cópias de si mesmo e tenta se espalhar para outros computadores, utilizando-se de diversos meios. Vale ressaltar que computadores e smartphones conectados à Internet são mais propensos a ataques de vírus.

 

A maioria das contaminações ocorre pela ação do usuário, executando o arquivo infectado recebido como um anexo de um e-mail ou com link em redes sociais, por exemplo. A contaminação também pode ocorrer por meio de arquivos infectados em pen drives ou CDs, por isso os professores precisam ficar atentos aos materiais dos alunos que são colocados nas máquinas dos laboratórios de informática, pois um vírus pode estar nos aparelhos.

 

Outra causa de contaminação é por sistema operacional pirata ou desatualizado, sem as correções de segurança que poderiam evitar vulnerabilidades e causar o recebimento e execução do vírus inadvertidamente. Ainda existem alguns tipos de vírus que permanecem ocultos em determinadas horas, entrando em execução em horas específicas.

 

Algo que na escola, por exemplo, pode ser bem observado já que em muitas delas os sistemas nos computadores não estão acompanhando as inovações e os recursos disponíveis.

 

7 – Pornografia e Pedofilia

 

Esta é uma grande ameaça à vida de todos, principalmente dos menores de idade, na qual o contato com a pornografia pode provocar desequilíbrio e inúmeros distúrbios na mente sã das crianças.

 

Esta é uma questão muito séria relacionada à Internet, pois existem milhares de sites pornográficos, que podem ser facilmente visualizados e encontrados, sendo necessário muito cuidado e atenção por parte dos adultos. Além disso, as redes sociais e inúmeros sites escondem pedófilos que se fazem de amigos para tentar uma aproximação de crianças e adolescentes.

 

Todo cuidado é fundamental, e a instituição escolar tem um papel fundamental na conscientização dos seus alunos diante deste perigo. Os professores não devem apenas trabalhar com a Internet em sala, mas explicar quais são os tipos de pessoas que existem nelas e orientar os educandos a conversar com seus pais ou até com a equipe pedagógica caso algo estranho aconteça.

 

8 – Violência

 

É de conhecimento público que a violência está em todo lugar, no entanto, na Internet, temos que ficar ainda mais atentos. É importante auxiliar na formação e acompanhar a visão de nossas crianças sobre o assunto, a fim de colaborar para que elas tenham hábitos e contato com informações que não incitem a violência, pois existem milhares de sites que apresentam e incentivam a violência, inclusive que recrutam adolescentes e jovens a assumirem posturas relacionadas ao terrorismo, por exemplo, sendo necessário, neste caso atenção constante por parte dos adultos.

 

Com o advento da Internet a violência ganha uma nova vertente, o Cyberbullying. Este tipo de agressão afeta a aprendizagem e o relacionamento de um aluno com os demais, aqui os colegas de classe praticam essa violência virtualmente.

 

É importante que os professores fiquem atentos as mudanças de comportamento e estejam realizando projetos de conscientização, prevenção, diagnóstico e combate a este perigo a saúde mental dos alunos.

 

9 – Isolamento

 

Uma das grandes desvantagens da Internet é o isolamento das pessoas, visto que, quando viciadas, elas não querem saber de mais nada. Ficam obcecadas por games, vídeos ou redes sociais, e começam a apresentar comportamentos que demonstram desinteresse pelo mundo offline, tais como: faltam às aulas, não dormem o suficiente e muitas, nem se alimentam, é como se estar conectado fosse a única coisa que tivesse importância.

 

Este isolamento é visto nos ambientes escolares, na qual estudantes se mantém conectados a smartphones e deixam de interagir com os demais alunos, assim como a timidez exagerada e distanciamento podem ser resultados da vivência excessiva com a Internet.

 

10 – Custos e Acesso

 

Em se tratando de Brasil, sabemos que milhares de pessoas estão conectadas, conseguem Internet a um custo relativamente baixo, comparado ao custo que teriam para realizar ações semelhantes antes dela. No entanto, ainda é imensa a dificuldade que muitos brasileiros têm para conseguir acessar a Internet. Em muitos lugares, o serviço é caro e de baixa qualidade, principalmente quando comparado a alguns países.

 

Além disso, em algumas regiões, o serviço ainda não está disponível, ou a sua viabilidade não é acessível à realidade financeira das pessoas. O mesmo vale para as escolas, em que muitas delas não têm acesso à rede pelos altos custos.

 

Mesmo que o ensino seja mais dinâmico e interativo com a presença dela, a falta da Internet pela despesa que irá gerar não parece tão atrativo às escolas/secretarias da rede pública, principalmente.

 

Pensar na relação entre Educação e Internet é lembrar que este último serve como uma ferramenta de apoio na área educacional seja ela presencial ou a distância. Porém é necessário reconhecer os prós e os contras de usá-la, assim como um planejamento por parte da equipe pedagógica é importante para que o processo de ensino e aprendizagem seja efetivo.

 

PRECISA DE APOIO ACADÊMICO?

Revisão TextualFormatação –  Abstract  – Slides

Orientação Particular de TCC  – Oficina de Projeto de Pesquisa

 

 

Escrito por: Profa. Ms. Erika Regiani, 17 de maio de 2016.

Colaboração de: Bruna Lisboa.

 

Posts Populares