Blog

13 agosto 2017

A Avaliação na Educação Infantil por meio do Portfólio

O Portfólio pode ser usado na avaliação de crianças pequenas, você sabe o por quê?

 

É comum vermos que correr, pular corda, se esconder, apostar, dançar, fingir, modelar e rabiscar com lápis coloridos é algo presente nos dias das crianças. Quando elas se juntam, as brincadeiras fluem naturalmente e a interação ocorre sem problemas seja nas escolas ou em outros locais, pois os pequenos estão livres de qualquer responsabilidade ou de preocupações maiores do que encontrar um novo amigo para brincar.

 

Porém, também sabemos que não basta deixar tudo na base do improviso quando eles estão nas escolas, porque depois, nós professores, teremos que avaliar e sistematizar se os objetivos previstos nas atividades foram alcançados e de que forma isso aconteceu. Essa análise precisa mostrar sem julgamentos, notas ou rótulos, o percurso trilhado por eles e é aí que entra o Portfólio.

 

VOCÊ PRECISA DE ORIENTAÇÃO PARA TCC?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO uma aula GRATUITA, podendo ser presencial ou por vídeoconferência DE ACORDO COM A SUA DISPONIBILIDADE!

 

 

AVALIAÇÃO PELO PORTFÓLIO, ISSO DÁ CERTO?

 

Profa. Ms. Michelle Mayara Praxedes Silva
Profa. Ms. Renata Miranda de Araújo
contato@enfaseeducacional.com.br

 

 

 

 

 

Segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais – DCNs (BRASIL, 2010 p.29) para produzir uma avaliação contínua na educação de crianças de 0 a 5 anos, é preciso de uma:

 

 documentação específica que permita às famílias conhecer o trabalho da instituição junto às crianças e os processos de desenvolvimento e aprendizagem da criança na educação infantil”.

 

Isso mostra como o antigo caráter assistencial perdeu força para que os métodos de ensino na primeira infância se tornassem parte da educação básica, mas ainda existe uma dificuldade na hora de catalogar as atividades das crianças e mostrar seu desenvolvimento, por isso o Portfólio aparece como uma alternativa para atender aquilo exigido por lei.

 

O professor precisa construir atividades que levem em conta o processo educacional, baseado em informações recolhidas ao longo do tempo, por meio de situações significativas no contexto das ações realizadas pelas crianças. Não se pode esquecer que essas dinâmicas precisam atender aos conhecimentos e as capacidades delas, sem nunca as penalizarem pelo que ainda não sabem.

 

 

 

 

Errar e acertar faz parte do processo de aprendizagem, por isso é necessário um cuidado na hora de registrar os avanços, o que foi desenvolvido, os campos não explorados e as observações dos professores diante da documentação sobre o aluno. No Portfólio encontra-se desenhos, brinquedos, produções artísticas, fotos das crianças brincando ou produzindo alguma atividade; este método avaliativo consegue comportar o desenvolvimento da criança na primeira infância.

 

É importante ressaltar que este recurso para avaliação é um documento histórico da criança que demostra como ela é/era na primeira infância, assim como serve de registro do trabalho pedagógico da instituição e dos professores. Os pais poderão observar, por meio do Portfólio, como seu filho cresce e entender como ele enxerga e se mostra ao mundo.

 

NÃO ESQUEÇA: O PORTFÓLIO É UMA PARCERIA DA CRIANÇA COM O PROFESSOR.

 

PROFESSOR(A), VOCÊ TEM DIFICULDADE PARA AVALIAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO o seu e-book GRATUITO  e faça a diferença no seu trabalho!

 

 

Então, além de ser um critério previsto em lei, é nossa responsabilidade, enquanto professores, a elaboração de instrumentos que consigam:

 

1) Registrar o percurso realizado

2) Dividir os avanços com as famílias

 

Neste caso, o Portfólio é um instrumento recomendado para avaliação, uma vez que é composto por registros feitos pelo professor sobre os processos de aprendizagem do grupo como um todo e de cada criança em particular. É importante observar ambos os resultados para conhecer como eles se desenvolvem nas interações em conjunto e individualmente, o crescimento particular e o convívio com outras crianças da mesma faixa etária para mostrar a família como seu filho aprende e se relaciona com outros.

 

Entendemos que o documento com o percurso trilhado pelas crianças dá ao educador informações preciosas sobre ensino e aprendizagem, além do acompanhamento simultâneo dos avanços e dos desafios enfrentados por eles.

 

Isso significa que é preciso valorizar tanto o trabalho do professor como mediador e conhecedor sobre o desenvolvimento infantil, além de ser capaz de utilizar estes conhecimentos nas observações e na produção de textos avaliativos sobre o que a criança realiza e aprende na instituição. Por isto é indicado o uso e produção do Portfólio.

 

 

 

 

PROFESSOR(A), VOCÊ PRECISA DE UMA PÓS-GRADUAÇÃO EM ALFABETIZAÇÃO?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO a sua vaga em nossa Pós-Graduação de ALFABETIZAÇÃO de 6 meses, 100% online que você pode cursar DE ACORDO COM A SUA DISPONIBILIDADE e na comodidade da sua casa!

 

Para associar o trabalho pedagógico à família utilizar este instrumento é fundamental, pois é uma maneira de contar a história da criança e mostrar como é a prática da instituição e dos professores. 

 

De um lado a criança aprende porque deseja e realiza este desejo, de outro há um profissional responsável e conhecedor de sua área de atuação que medeia conhecimentos essenciais para o desenvolvimento infantil e entendimento daquilo que causa espanto e curiosidade nas crianças.

 

 

 

PROFESSOR(A), VOCÊ PRECISA DE UMA PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOMOTRICIDADE?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO a sua vaga em nossa Pós-Graduação de PSICOMOTRICIDADE de 6 meses, 100% online que você pode cursar DE ACORDO COM A SUA DISPONIBILIDADE e na comodidade da sua casa!

 

 

Além do já visto sobre o Portfólio, a família e principalmente a criança terá um registro de sua história, um objeto que mostra sobre a importância dela no mundo e como é importante a aquisição do conhecimento e a valorização de espaços educativos, como centros de educação infantil e escolas como parte integrante da vida de uma pessoa.

 

ACOMPANHE-NOS NAS REDES SOCIAIS

FACEBOOK        YOUTUBE
TWITTER

 

 

Referências

BRASIL. Ministério da Educação.Secretaria de Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil/Secretaria de Educação BásicaBrasilia: Conselho Nacional de Educação Básica – MEC, SEB, 2010.
______. Ministério da Educação. PARECER CNE/CEB n°20/2009 de 11 de novembro de 2009. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Brasilia: Conselho Nacional de Educação Básica – CEB. Dez.2009.
______. Ministério da Educação.Resolução n° 5\2009. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Brasilia: Conselho Nacional de Educação Básica – CEB. Nov. .2009.
LOPES, A. C. T. Educação Infantil e registro de práticas. São Paulo: Cortez,2009.

 

 

 



Posts Populares