Blog

19 outubro 2017

Na Prática: Como aproveitar a Natureza na Educação Infantil

A Natureza como Recurso Pedagógico

 

As práticas no ambiente natural proporcionam o uso da ludicidade da criança e a faz vivenciar experiências novas ao estar no ar livre. O espaço que pode ser utilizado nas atividades da Educação Infantil estimula os alunos a inventarem, inovarem, explorarem o local de outra maneira, dar novos significados ou inserir os materiais encontrados na Natureza em outro contexto.

 

O mundo natural estimula os cinco sentidos das crianças, dessa forma é preciso frisar o quão importante é intermediar o contato delas com o meio ambiente por ele incitar a curiosidade, ser fonte de saúde e conhecimento. É através do ambiente natural que o infante vai aprender a respeitar, cuidar e perceber a relevância deste espaço para o ser humano.

 

Pensar em Natureza é falar de conhecimento!

 

Os maiores questionamentos da humanidade tem seu fundamento na Natureza (Por que é dia? Por que é noite? Por que o vento sopra?), e ao permitir que os alunos da Educação Infantil entrem em contato com ela os educadores estão deixando-as criarem novos questionamentos e interesses pelo mundo.

 

A criança, por meio dessa recém-chegada atração pelo universo natural, começa a reconhecer cores, cheiros, texturas e sons, ela aprende como o mundo funciona a partir desta interação com a Natureza.

 

VOCÊ SABE TUDO O QUE PRECISA PARA AVALIAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO a sua vaga em nosso curso de AVALIAÇÃO INFANTIL, 100% online que você pode cursar DE ACORDO COM A SUA DISPONIBILIDADE e na comodidade da sua casa!

 

O conhecimento obtido na experiência, segundo OLIVEIRA e PO. NIGRIELLO (2002, p.1) faz o infante ter:

 

liberdade […] recebe estímulos constantes e variados, trabalha e enriquece a sua percepção do espaço e desenvolve a sua sensibilidade, coordenação motora, imaginação, mente e criatividade, socializando-se, trocando experiências, criando vínculos com outras crianças e com adultos de diversas classes sociais, crenças, raças, culturas e etnias e aprende a ser solidária.

 

Os professores precisam buscar essa interação aluno-natureza o máximo possível, pois este contato com o espaço natural irá fazer a criança explorar o ambiente ao seu redor, notar o tempo de mudança da Natureza em relação às coisas encontradas nela e principalmente se conscientizar de não agredi-la.

 

As crianças gostam de estar em ambientes abertos, por isso é importante os educadores explorarem estes espaços e promover atividades que as estimulem a pensar: Como as coisas funcionam? A resposta desta pergunta será encontrada nos elementos naturais tendo o intermédio do professor.

 

A criatividade é muito utilizada nos espaços verdes, sendo assim propostas que consigam englobá-la serão muito bem-vindas pelas crianças. O desenvolvimento de habilidades se dá de maneira mais ampla na Natureza, na qual se inclui, além das capacidades intelectuais, o desenvolvimento e controle emocional e intuitivo.

 

No vídeo abaixo a Profa. Mestre Renata Miranda, explica a relação intrínseca da Natureza com a Sociedade, apresentando pequenas reflexões que podem nortear as práticas com os alunos da Educação Infantil.

 

 

ASSIMILE: A EDUCAÇÃO COMEÇA PELA NATUREZA

 

A afirmação acima se refere aos conceitos sobre o mundo adulto que os professores estarão ensinando para as crianças, fazer uso dos recursos naturais para isso ajudará o aluno a compreendê-los melhor. Relacionar objetos conhecidos por ele (computador, papel, piscina, lápis…) com os elementos encontrados na Natureza, o fará entender que estas coisas têm origem em outro local.

 

O aluno vai começar a aprender e utilizar esse conhecimento em tudo o que ele realizar, dessa forma irá contemplar o ambiente natural de modo saudável e sempre respeitando as normas para não feri-lo.

 

Os professores, se houver a possibilidade, podem levar as crianças para parques verdes, bosques, jardim da própria escola ou em qualquer outro lugar que o espaço seja livre para poder executar alguma atividade com elas.

 

O importante das práticas na Natureza é sempre fazer os alunos interagirem com ela a todo instante.

 

Pedir para os pequenos recolherem folhas, gravetos, flores, rochas para fazê-los reconhecerem texturas, tamanhos e pesos é uma boa atividade para introduzi-los ao ambiente natural. Ao conversar com eles, os educadores precisam ficar atentos às suas palavras, pois elas irão apresentar as sensações, questionamentos e interesse à Natureza, tudo isso será registrado pelo professor como parte da Avaliação Infantil.

 

VOCÊ PRECISA DE DICAS PARA AVALIAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL?

CLIQUE AQUI e garanta AGORA MESMO o e-book Desafios de Avaliar na Educação Infantil, totalmente GRATUITO!

 

As crianças, ao entrarem em contato com os elementos naturais, vão perceber que o mundo é muito maior e recheado de significados, elas sentirão vontade de explorá-lo para conhecerem o que existe nele e como podem usar o que descobriram nas suas brincadeiras.

 

Pedir, após as práticas, para que os alunos relatem a experiência com a Natureza irá ajudar o professor a identificar aquilo que mais chamou sua atenção, assim como ele poderá pegar o conhecimento obtido pela criança para formular novas atividades e desenvolver outras habilidades.

 

 

Estimular a criatividade das crianças por meio de alguma brincadeira no ambiente natural auxiliará no seu desenvolvimento intelectual, emocional e cognitivo.

 

O ato de registrar sua experiência na Natureza em desenhos, maquetes ou em qualquer outra atividade, reforçará àquilo que foi aprendido. As atividades realizadas com recursos naturais potencializam a criatividade da criança ao mesmo tempo em que estimula sua curiosidade sobre o mundo.

 

ACOMPANHE-NOS NAS REDES SOCIAIS

FACEBOOK        YOUTUBE
TWITTER

 

Escrito por: Bruna Lisboa, 19 de outubro de 2017.

Colaboração de: Profa. Ms. Renata Miranda de Araújo e Profa. Ms. Erika Regiani.

 

 

Referências

HARA, P. F. M; PINTO, V.P.S. Educação Ambiental e Natureza nos espaços de Educação Infantil. Disponível em: < https://goo.gl/BiAuyz > Acesso em: 13/10/2017.

OLIVEIRA, Claudia Maria Arnhold Simões de; PO. NIGRIELLO, Andreina. O ambiente urbano e a formação da criança. Disponível em: < https://goo.gl/QRd2zE > Acesso em: 13/10/2017.

TEIXEIRA, Fernando, et al. O lúdico na Natureza: Criando e Recriando o espaço da Educação Infantil. Disponível em: < https://goo.gl/sz18FG > Acesso em: 13/10/2017.



Posts Populares